sábado, 22 de dezembro de 2007

8º Capítulo - O MAL DA HUMANIDADE 1ª parte.





8º Capítulo

O MAL DA HUMANIDADE 1ª parte.

Na casa de Touro.

Aldebaran http://blog.bena-rt.com/public/illu/aldebaran.jpg estava sentado com as pernas cruzadas e os braços também. Parecia estar concentrado. Quando algo quebra sua concentração pela expressão de seu rosto e com isto quando abre os olhos se depara com dois seres com mantos negros.

Ele se levanta rapidamente e muito bravo: - O QUE SÃO VOCÊS? http://i3.photobucket.com/albums/y85/TdA_Aldebaran/Aldebaran131.jpg NÃO PODE SER... ESPÉCTROS?

Os seres partem para o ataque e ao se aproximarem do grande touro dourado a pressão de seus cosmos o arremessam contra uma parede. O impacto é tão forte que a parede racha por completo não chegando a desabar.

Os seres param. Aldebaran se recobra e vai se levantando.

Aldebaran: - Mas o que foi isto? Senti um terrível cosmo e... E algo me atingiu! Como não consegui perceber os movimentos deles? http://www2.uol.com.br/ohayo/v2.0/anime/materias/jun13_touro2.jpg

Os seres permanecem parados.

Aldebaran: - São vocês que atravessaram a casa de Áries? Quem são e o que pretendem invadindo o Santuário de Athena! http://i3.photobucket.com/albums/y85/TdA_Aldebaran/Aldebaran201.jpg

Eles nada respondem

Aldebaran (Eleva seu cosmo) : - Não querem falar! Eu Aldebaran o cavaleiro de ouro de touro não permitirei que passem pela segunda casa!

Um dos seres faz um rápido movimento e rasga seu manto. Era mais uma mulher seu cabelo é longo e branco. Usa uma armadura kamui vermelha, no peitoral existe a forma de um crânio demoníaco. A proteção de seus ombros parecem chifres e possuía asas também vermelhas. E sua pele era completamente pálida. O cavaleiro de ouro parece surpreso.

- Mas o que? Uma mulher!

(A mulher): - Prepare-se cavaleiro de Athena sua morte chegou. Eu Geras a deusa da velhice vou sugar a sua vida!

Aldebaran tenta acertá-la com um soco. Mas ela se esquiva de uma forma rápida e surpreendente. Agarrando o grande cavaleiro de ouro por trás.

Aldebaran: - Mas o que? Não me derrotará facilmente!

Geras: - É o que veremos agora cavaleiro miserável... Sairá de nosso caminho! {{{DESTRUIDOR DE VIDAS}}}

Uma espécie de descarga elétrica muito forte atinge cruelmente o cavaleiro de touro. A energia cobre todo o seu corpo. O outro ser ainda com o manto assiste toda a crueldade de Geras.

Geras: - Cavaleiro enquanto você morre vou explicar minha diabólica técnica. O “DESTRUIDOR DE VIDAS” suga todo o cosmo do meu oponente e com isto sugando a sua vida. Sua energia será apenas como se fosse um velho aguardando a morte... (Da uma risada sarcástica) Você não foi adversário suficiente para mim cavaleiro!

O sofrimento de Aldebaran é terrível. A energia de Geras cobre todo o seu corpo! Mas havia uma grande diferença. Geras perto de Aldebaran era bastante pequena! Com isto o cavaleiro de touro reage e segura à deusa com sua mão direita.

Geras: - O que esta tentando fazer cavaleiro! Você não tem chance contra minha técnica... Vou destruí-lo e assim seguiremos para a próxima casa!

Aldebaran a segura e a joga contra uma pilastra. Ela esperta dá um kick com os pés caindo de pé! O grande cavaleiro de ouro estava ofegante. http://cta2.fbiz.com.br/imagens/comunidade/foto/pequena/3/25757_1.jpg

Geras (Num tom debochado): - Hum! Você me surpreendeu saindo de meu ataque! Mas sua vida não é a mesma de antes!

Aldebaran: - Fuf! Fuf! Não é bem o que você imagina.

Geras: - O que?

Aldebaran: - Sou um cavaleiro de Athena... E nós cavaleiros de Athena não nos damos por vencidos facilmente! (Eleva seu cosmo) Você é uma deusa?

Geras: - Sim! Filha de Nix e irmã dos deuses Hypnos e Tânatos. Pertenço ao exército da senhora Perséfone deusa superior do mundo inferior. Antes administrado por Hades!

Aldebaran faz uma expressão de estar surpreso. E a deusa continua: - Zeus quer iniciar o castigo de toda humanidade e nos designou a iniciar a destruição pelo Santuário de Athena.

Aldebaran: - Mas nós cavaleiros de ouro não permitiremos isto!

O ser com o manto se expressa, também tinha voz feminina num tom muito supremo*: - Geras... Eu lhe ordeno! Destrua este cavaleiro para que continuemos nossa missão!

Geras se vira e abaixa a cabeça: - Sim senhora! ( * Quem será?)

Geras retorna a posição de combate: - Bem cavaleiro de Athena acabarei com você! (Eleva seu cosmo)

Aldebaran (Pensando http://i148.photobucket.com/albums/s35/taizen_galery/imagens/aldebaran.jpg ): - Preciso ser rápido e cuidadoso... Ela quase me destruiu! (Faz uma expressão de raiva) Protejo esta casa! Elevarei o meu cosmo e aplicarei minha técnica.

Geras dá um grito é parte para o ataque. Ela repete o mesmo movimento. Mas Aldebaran se vira antes que a deusa da velhice o segurasse. (Levando suas mãos perto do peito explode o seu cosmo e em seguida impõe as mãos) {{{GRANDE CHIFRE}}} http://img136.imageshack.us/img136/1159/130497140266e553bf2o3pk.th.jpg

Geras é surpreendida: - O QUE?

O ataque de Aldebaran a atinge em cheio e ela se choca contra a parede que antes o cavaleiro de Athena tinha atingido e com o segundo impacto desaba sobre Geras.

Aldebaran se vira para o outro ser: - Agora é a sua...

Geras: - Você ainda não me venceu!

Aldebaran se vira e vê o cosmo se Geras fazendo as pedras serem levitadas.

O cavaleiro de touro fica impressionado: - Mas o que?

Geras: - Humano imbecil... Sou uma deusa cercada de todo o poder! Vim aqui para cumprir minha missão e não desapontarei a ZEUS!

No Olimpo.

Hyoga chega diante de um templo http://html.rincondelvago.com/files/9/6/3/000319630.png E observa que na parte superior esta formada por desenhos de guerreiros em combate. Cisne não diz uma palavra e entra. E logo visualiza a sua direita diversos quadros e todos expressando as guerras que o mundo conheceu. Lá estavam imagens de conflitos nos impérios romanos, nazistas e as guerras da era moderna com fortes armamentos militares.

http://consciencia.ignea.googlepages.com/010114516052300.jpg/010114516052300-full.jpg

http://g1.globo.com/Noticias/Ciencia/foto/0,,11220801,00.jpg

http://www.galizacig.com/actualidade/200211/imaxes/soldados_usa590.jpg

http://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/f/fc/USSArizona_PearlHarbor.jpg/300px-USSArizona_PearlHarbor.jpg

Hyoga: - Mas não há sentido como essas imagens de nosso mundo estão aqui? (Para) Mas o que? (O cavaleiro aperta o passo e chega diante o que seria uma piscina) Isto esta me parecendo...

Cisne se ajoelha e com muito medo coloca a mão. É uma espécie de líquido vermelho. E se assusta e exclama: - Isto é SANGUE!

Assustado dá uma passo para trás e percebendo alguma coisa se vira e olha era outra piscina e agora com água e pergunta sem entender: - Mas o que é isto? De um lado sangue e deste água. O que significam?

De repente no mesmo local tochas são acesas e elas vão acendendo até o final do templo. E uma voz masculina bem forte se é ouvida: - São lágrimas!! E do outro o sangue derramado nas guerras durante a existência de toda humanidade!

Hyoga olha surpreso com a voz e lá esta. Sentado em um trono de ouro um homem com uma armadura vermelha e dourada. Seus cabelos eram longos e negros. Em sua cabeça uma espécie de capacete muito usado pelos soldados nos tempos passados, na sua mão direita uma lança e também possuía asas com as mesmas cores de sua armadura. E ao seu redor desde trono existiam estátuas de diversos guerreiros. E encostado no trono havia um escudo.

Hyoga: - Como disse? Isto é loucura! Quem é você?

O homem: - É o que você ouviu garoto! Essas são as marcas de minha glórias eu sou Ares o deus da guerra! http://foto.epson.com/po/crea_foto.asp?idFoto=243027&idAlbum=19870&tamanio=5

Hyoga: - Como eu imaginava! Só alguém com uma mente completamente diabólica o bastante para guardar diante de seu templo as imagens terríveis que vi lá fora!

Ares: - Esta se referindo ao que esta ao redor de meu templo?

Hyoga: - Sim! Como você pode se gloriar com isto? Já que se alegra com a desgraça de uma guerra! Numa guerra muitas coisa ruins acontecem... Vidas são perdidas... (Fecha os olhos) Há muito derramamento de sangue!

Ares: - É por isso mesmo que esses dois reservatórios contem o sangue e as lágrimas. Pois o isto tudo acontece pelo sentimento perverso que a humanidade possui!

Hyoga: - O que?

Ares: - Isto mesmo cavaleiro... Desde os tempos memoriais as guerras existem... A humanidade carrega dentro de si a ganância, a inveja, o ódio e a vontade de ser melhor que o outro... Os humanos se alto destroem. Pois constroem armas de destruição em massa e criam formas de se matarem uns aos outros. E sabendo disto ZEUS, meu pai foi sábio e me designar a ser o deus da guerra. E desde a criação de tudo eu tenho decidido como acontecem e onde ocorrem as guerras. (Dá uma risada) Mas sem o sentimento maligno que os humanos tem meu cosmo não receberia tanta energia.

Hyoga: - Não é os humanos que fazem tais atrocidades por suas próprias mãos... Mas aqueles que são fracos a ponto de adorarem a deuses diabólicos como você!

Ares: - O que? Seu humano desprezível e miserável! Quem é você para me ofender?

Hyoga: - Sou Hyoga o cavaleiro de cisne! Sou um cavaleiro de Athena e junto com ela e meus amigos destruiremos as ambições dos deuses!

Ares: - O que? Destruir os deuses? Não seja ridículo garoto! (Sai de seu trono pegando o seu escudo) Nós deuses somos seres soberanos que ao lado se um humano! Você não significa nada! Um humano existe por vontade dos deuses e sua existência permanecerá até onde os deuses permitir... Nosso senhor ZEUS decidiu sentenciar toda humanidade para que a TERRA seja dominada pelos deuses novamente.

Hyoga: - Mas para que isto aconteça, você terão de vencer a Athena e a nós cavaleiros!

Ares: - Athena... Athena será destruída por ZEUS! Pois quando ela souber que outros deuses estão atacando a humanidade ao começar pela destruição de seu Santuário. Ela se renderá! (Da uma risada)

Hyoga: - O que? O Santuário esta sendo atacado?

Ares: - Sim!

Hyoga: - Eles serão destruídos!

Ares: - O que existe lá que o deixa confiante?

Hyoga: - Meu mestre Camus e todos os cavaleiros de ouro destruíram a ambição maligna dos deuses que lá invadirem! E eu Hyoga (Queima seu cosmo) LHE DESTRUIREI ARES! DEUS MALDITO! NA TERRA EXISTEM PESSOAS DE BOM CORAÇÃO!

Ares: - Numa guerra muitos inocentes morrem! (Fecha os olhos queimando seu cosmo e fala num tom debochado) E eu não me importo... Pois é mais gostoso ver os olhos daqueles que perdem filhos nas guerras! (Dá uma risada bastante diabólica)

Hyoga se enfurece: - Você sentirá o poder de um cavaleiro de Athena. (Faz sua coreografia e a imagem da constelação de cisne surge) {{{PÓ DE DIAMANTE}}}

Ares usa seu escudo para se proteger. A técnica de Hyoga congela seu escudo.

Hyoga: - Que bom já é um bom começo!

Ares: - Não seja sonhador demais garoto!

Hyoga: ...

O deus da guerra queima seu cosmo derretendo todo o gelo e diz: - Moleque! Athena não tem o mínimo de amor por vocês! Assim como algumas nações da humanidade que coloca crianças para lutar! Ela pôs você para ficar desde cedo sofrendo e se preparando para ser um cavaleiro... E o que você ganhou com isso?

Ares num movimento rápido aparece à frente do cavaleiro de cisne e atinge com seu escudo o seu rosto. Cisne bate no chão é arrastado por alguns metros.

Hyoga levanta seu rosto: - Mas o que foi isto? Que movimento rápido!

Ares: - Responda minha pergunta garoto... O que você ganhou lutando todo este tempo por Athena?

Hyoga não responde.

Ares: - Não consegue se lembrar... Acredito que sua vida não tenha tido nenhum significado... Mas não se preocupe.

Hyoga: - Não é bem assim! (Se levanta)

Ares: - Acabarei com seu sofrimento e lhe colocarei no meio de minhas glórias cavaleiro de uma deusa covarde como Athena.

Hyoga: - Não diga uma idiotice destas!

Ares: - E o que fará para impedir?

O cavaleiro de cisne eleva seu cosmo e inicia mais uma coreografia. Cristais de gelo aparecem por todo o templo, mas nada faz Ares se intimidar. Hyoga solta dos raios de gelo no ar e junta às mãos. {{{TROVÃO AURORA... ATAQUE}}}

Mais uma vez Ares utiliza seu escudo para se proteger do ataque de Hyoga. E mais uma vez ele é congelado. E em seguida o gelo derrete com o cosmo de Ares.

Hyoga impressionado: - Não pode ser! Mais uma vez ele foi capaz de deter meu ataque!

Ares: - Garoto como lhe disse acabarei com seu sofrimento. (Ergue sua lança) Usarei meu ataque de misericórdia cavaleiro de Athena é covardia continuar lutando com você! Sou muito superior a um pobre humano como você!

Uma imagem demoníaca de um guerreiro surge atrás de Ares. http://www.flogao.com.br/os3juizes/foto/124/117131605

Hyoga: - O que? Será que ele é muito poderoso a ponto de existir tanta diferença entre nós!

Ele fixa sua lança no chão e seu punho direito brilha e ele vai aplicar uma espécie de suco e grita. {{{DORES DA GUERRA}}}

Um raio brilhante como o fogo sai em disparada e atinge sem piedade ao cavaleiro de cisne que é arremessado e atinge uma parede. Caindo em seguida no chão.

Ares fecha os olhos: - Pronto não tenho mais que me preocupar! (Se vira pega sua lança)

Mas Hyoga se levanta: - Espere! Nossa luta ainda não acabou!

Ares da mesma forma que estava parece que não se importa dizendo: - Acha que lutará comigo nas condições que se encontra!

Hyoga: - Como? Ora seu! (Sente Algo e grita de dor) Meu corpo o que esta acontecendo? (Cai) Mas o que é isto parece que...

Ares: - Como você me atacou vou te dar uma morte lenta e dolorosa... Esta técnica consiste em fazer o inimigo sofrer até que seu sistema nervoso não agüente mais a intensidade das dores e você perderá seus cinco sentidos se tornando um cadáver vivo e com isto sua morte chegará sem você perceber.

Hyoga grita de dor!

Ares: - Este é o prêmio por lutar por aqueles que não merecem.

De repente algo brilha no chão. Ares se vira e pergunta: - O que?

Em outra área. No outro templo

http://www.brasilescola.com/upload/e/templo-artemis(1).jpg

Ikki estava no templo diante de uma mulher que estava em um trono com um cosmo formando uma imensa lua atrás do mesmo. Ela usava uma armadura Kamui azul bastante clara com alguns detalhes em azul mais escuro. Este azul claro também era a cor de seu longo cabelo.

Ikki: - Se este templo possui as imagens da lua... Só pode ser o templo de Ártemis... Mas quem é você?

A mulher: - Hum! Você deve ser um cavaleiro da maldita deusa Athena que se rebelou contra a vontade do senhor Zeus.

Ikki: - Sim eu sou um cavaleiro de Athena.

A mulher: - Sentenciou sua morte humano desprezível! Sou Selene deusa que representa todas as fases da lua! Vou exterminá-lo cavaleiro! (Eleva seu cosmo)http://foto.epson.com/po/crea_foto.asp?idFoto=243126&idAlbum=19870&tamanio=5

Ikki: - Me desculpe não estou aqui para brincadeiras meu objetivo aqui é lutar e destruir Zeus, mas se é para ficar em meu caminho terei de lutar com você primeiro! (Eleva seu cosmo)

Selene percebe algo e para de elevar seu cosmo.

Selene: - Você! Seu cosmo!

Ikki: ...

Selene: - Eu posso ver que seu cosmo já se rebelou contra as ordens de Athena!

Ikki: - Sim eu no passado lutei contra Athena... Mas estava errado e minhas ambições diabólicas... Porém como sabe disto.

Selene: - Eu sou uma deusa e posso ver através de seu cosmo e com isto você verá o que fez para destruir a Athena e aqueles que te amam.

A deusa lua ergue sua mão direita e diz. {{{ESPÍRITO DIABÓLICO LUNAR}}} Um feixe de luz atinge a mete de Ikki.

Selene: - Como foi fácil derrotar este cavaleiro. Com esta minha técnica você será capaz de ver tudo de ruim que fez em vida e com isto seu coração será destruído de desgosto pelas coisas que fez. (Da uma risada sarcástica)

Neste momento na mente de Ikki ele vê o momento que chega à guerra galáctica e atinge Shun.

http://www.flogao.com.br/alessandrozanardisg/foto/122/119686123

http://www.flogao.com.br/alessandrozanardisg/foto/122/119686174

http://www.flogao.com.br/alexzanardisg/foto/122/119686229

Depois sua luta contra Hyoga, liderando os cavaleiros negros e termina vendo sua luta contra seu mestre. Finalizando vê Esmeralda caindo morta.

http://img74.imageshack.us/img74/479/83805808small7dg.jpg

http://members.fortunecity.com/the_darknight/imagenes/ss/phoenix25.jpg

http://distante.no.sapo.pt/Ikki.jpeg

http://www.metro.theblog.com.br/ikki_scr01.jpg

http://img22.photobucket.com/albums/v67/m_kruiff/Ikki/ikki718.jpg

Selene vê o cavaleiro de Fênix imóvel e com uma expressão confiante diz: - É os cavaleiros de Athena não são de se temer... Também são humanos o que esperar deles.

Ikki começa a rir. Selene se surpreende e pergunta: - Do que esta rindo? Era para você estar morto!

Ikki abre os olhos: - Acha mesmo que um sonho como estes é capaz de derrotar Ikki de Fênix?

Selene: - Mas como pode superar minha técnica?

Ikki: - Eu cometi estes erros... Mas meu irmão Shun, meus amigos e a deusa Athena me fizeram ver o quanto lutar pela justiça e pela vida é importante... E você sua deusa diabólica será destruída pela fúria da... {{{AVÊ FÊNIX}}} http://www.flogao.com.br/os3juizes/foto/123/117050752

Ikki aplica sua brilhante técnica, mas Selene eleva seu cosmo e faz surgir em sua mão direita uma pequena esfera brilhante como a lua. Fazendo a técnica de Ikki sumir quando ia atingi-la.

Ikki impressionado: - O que? Ela... Ela deteve meu ataque com aquela esfera!

Selene da uma risada: - Seu idiota acha mesmo que venceria de forma tão fácil uma deusa... (Faz um movimento com a esfera) Receba de volta seu ataque! http://magiarubronegra.files.wordpress.com/2007/07/fenix.jpg

http://www.queroacreditar.blogger.com.br/fenix.jpg

A técnica de Ikki se volta contra ele e o atinge arremessando-o longe contra uma coluna e em seguida batendo de cabeça no chão destruindo-o.

Selene: - Cavaleiro de Athena! Para que lutar e sofrer por uma deusa que será em breve morta por nosso senhor Zeus!

Ikki levanta seu rosto: - Jamais Athena será vencida por Zeus! Nós cavaleiros (Se levanta) Lutamos pela paz para humanidade... Diversas pessoas inocentes não podem jamais perecer diante das ambições de um deus satânico como ele. Nós já derrotamos Lúcifer e seu filho Manon. Zeus como esta envolvido de todo espírito diabólico também será vencido!

Selene: - Isto é uma blasfêmia seu imundo idiota! Não irei tolerar tais insultos contra nosso senhor todo poderoso! (Eleva seu cosmo e a esfera em sua mão brilha bastante) Cavaleiro você é corajoso tenho de admitir.

Ikki: ...

Selene: - Mas a própria humanidade se sentenciou!

Ikki: - O que? Não diga bobagens!

Selene: - Sim Ikki... Você não é da TERRA? Nestes últimos tempos vocês não observou o que a humanidade tem feito para sua existência?

Ikki: - As pessoas...

Selene: - Não preservam o que possuem... A humanidade tem um mundo maravilhoso para se viver...http://www.pplware.com/wp-content/images/imagem_planeta_terra.jpg Mas as invés de preservarem isto preferem lutar para se destruírem, conseguir riquezas e mais riquezas. Os poderosos são governantes enganam a todos e os pequenos por sua vez para conseguirem o que querem destroem até suas próprias famílias por causa da ganância e até uma das fontes de vida que é a água a atual humanidade esta destruindo com sua indústrias e tudo mais... http://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/1/19/Castle_Romeo.jpg/250px-Castle_Romeo.jpg É por isto tudo que ZEUS sentenciou a humanidade... Então para quem você luta? Para esses humanos que possuem um sentimento de destruição.

Ikki: - Selene! Eu não posso julgar a humanidade! Eu apenas luto pela paz. Na TERRA existem pessoas boas que cultivam o amor umas pelas outras, gostam de praticar o bem e o julgamento delas cabe a DEUS!

Selene: - DEUS! O deus que já julgou a humanidade e a sentenciou foi nosso senhor Zeus e não tem mais volta!

Ikki: - Zeus não é digno de julgá-la!

Selene: - O que? Seu insolente! Vou mandá-lo para um lugar de onde jamais sairá! Ficará preso lá pela eternidade! (Queima seu cosmo e a imagem da imensa lua vai modificando com sua diferentes fases) http://aprenderbrincando.no.sapo.pt/images/luaming.JPG

Ikki: - Mas o que é este cosmo terrível?

Selene: - Ikki de fênix você será lançado a uma dimensão entre as fases da lua e de lá você jamais sairá!

A deusa lua cruza os braços e depois o abre! {{{DIMENSÃO LUNAR}}} Várias imagens da lua vão para cima de Ikki. Que começa a ser sugado.

Ikki: - Mas o que é isto? Eu estou sento puxado na direção da lua! AHHH!!!!!!

O cavaleiro de fênix é engolido pela dimensão lunar e o cosmo de Ikki desaparece.

Selene fecha os olhos e diz: - Os cavaleiros de Athena não são nada perante um deus! (Da uma risada)

Neste momento Shiryu avistava o templo de Ártemis. http://www.brasilescola.com/upload/e/templo-artemis(1).jpg

Shiryu: - Não pode ser! O cosmo de Ikki desapareceu!

No caminho de rochas e um chão completamente desértico estava Shun com Saori que parando de andar diz: - Não pode ser... O cosmo de meu irmão Ikki desapareceu! (Seus olhos ficam cheios de lágrimas) Primeiro o Seiya... Agora meu irmão... (Olha para Saori) Como venceremos os deuses? (Visualiza o rosto de Ikki) http://www.saintseiya-world.com/images/wall/ikki.jpg

A voz de Ikki: - Shun lute por Athena e pela humanidade!

Shun: - Sim Ikki sou um cavaleiro e lutarei como você! Até o fim!

O cavaleiro de Andrômeda segue sua jornada.

Santuário de Athena Casa de Touro.

Geras levitava as pedras e diz a Aldebaran.

Geras: - Cavaleiro de Athena... Não há o que você possa fazer... Já é destino da humanidade a extinção... Desista!

Aldebaran: - Jamais!

Geras se enfurece: - Então morra!

Ela faz as rochas irem contra o cavaleiro de touro. Mas Aldebaran explode seu poderoso cosmo dourado desintegrando as rochas!

Geras se assusta: - O que? Como foi capaz?

Aldebaran: - Sou um cavaleiro de Athena e luto pela paz da humanidade... Vocês deuses não tem direito de destinar a futuro das pessoas inocentes seus demônios!

Geras: - Seu idiota você se mata por uma humanidade incrédula e que só pensa em sua própria satisfação. Como você consegue se matar por isto?

Por uns instantes o cavaleiro de ouro se recorda quando foi junto com Mu e Aioria a um vilarejo próximo e viu diversas crianças brincando e quando os viram. As crianças lhe pediram para que lhe contassem como era ser um cavaleiro de Athena.

Mu: - Olhe crianças quem é bom para contar histórias é o Aldebaran.

Aioria: - Isto mesmo! E além do mais ele adora crianças!

Todos sorriem!

Aldebaran queima de forma impressionante seu cosmo fazendo Geras chegar para trás: - Não é bem como você classificou sua deusa diabólica! Na TERRA existem pessoas com uma coração impressionante e repleto de bondade! E vocês deuses não são nada comparados ao amor da humanidade! (Seu cosmo queima cada vez mais) http://img529.imageshack.us/img529/3204/aldebarandetourots0.jpg

Geras: - Isto é um insulto aos deuses! Os humanos merecem a morte! Vou com o meu cosmo destruí-lo e irei por mim mesma destruir esses homens, mulheres e crianças sem piedade!

Ela parte para cima de Aldebaran que ao ouvir isto se lembrou das pessoas quando ele e os demais cavaleiros de ouro se despediam.

Aldebaran: - Jamais! ( Com seu punho direito em chamas douradas) Eu luto pelo amor que a humanidade sente. ( A imagem da estátua de Athena http://www.geocities.com/Athens/Styx/4087/athena.jpg e surge junto do touro) Este sentimento jamais um deus diabólico reconhecerá! {{{ATAQUE DO TOURO DOURADO}}}

Geras: - O que? Athena!

Com esta técnica uma incrível touro dourado banhado de todo o cosmo sai do punho de Aldebaran! E atinge a deusa da velhice em cheio destruindo toda sua armadura e a mesma bate com violência numa parede e em seguida atingido com seu corpo todo dilacerado.

Geras tenta ainda expressar suas últimas palavras: A... Athena o protegeu! Athena esta com os cavaleiros... (Morre)

Aldebaran se vira para o ser manto negro e diz ainda elevando seu cosmo: Agora é você que me enfrentará?

Com sua voz feminina suprema: - Você não é digno de lutar comigo.

Estendendo sua mão que possuía umas tingidas de vermelho e afiadas.

Aldebaran: - O que? Isto não será aceito pelo grande... (Um feixe de luz amarelo o atinge)

O cavaleiro fica imóvel!

O ser feminino diz: {{{DESTRUIÇÃO DE TODA MATÉRIA}}}

Com isto a armadura de ouro de touro começa a rachar e a sangue na boca de Aldebaran. A armadura é destruída por completo e o grande cavaleiro de ouro cai desacordado.

E a inimiga diz: - Isto é para vingar a morte de minha filha Geras.

De repente os demais seres aparecem. E ela diz com sua voz suprema e decidida: - Vamos o próximo cavaleiro aguarda por sua morte!

No Templo de Ares

Ares percebe algo no chão brilhando e se vira: - O que é isto?

Ele segura era o rosário com a cruz* que a mãe de Hyoga entregou a ele quando criança. (* Cruz símbolo do Senhor Jesus Crucificado no Cristianismo / Cruz do Norte na história dos cavaleiros confira no longa de Abel) http://snk-seiya.net/guiasaintseiya/Cruz%20hyoga.JPG

Hyoga com muita dificuldade: - Este rosário é uma lembrança de minha mãe! http://membres.lycos.fr/saintseiyaextreme/secao/personagem/maehyoga.jpg

Ares: - E o que sua mãe buscava nesta cruz?

Hyoga: - Ela... Ela Arg! Ela usava para rezar para que DEUS nos abençoa-se!

Ares dá uma grande gargalhada: - E sua mãe Hyoga! Conseguiu uma graça desse DEUS? Onde sua mãe está?

Hyoga: - Ela morreu em um naufrágio e seu corpo esta no mar da Sibéria. Eu me tornei cavaleiro a princípio para poder visitá-la no mar gelado. (Lembra de sua ida ao navio para colocar a rosa no cabelo de sua mãe e rezar) http://www.cavzodiaco.com.br/images/historias/hyoga1.png

http://snk-seiya.net/guiasaintseiya/Cruz%20hyoga.JPG

http://www.nessagirlofsummer.blogger.com.br/hyoga_mae.jpg

http://spa.fotologs.net/photo/10/62/95/ryttah/1185669541_f.jpg

http://www.cavzodiaco.com.br/santuario2.asp

Ares: - Esse DEUS permitiu que sua mãe morre-se... Então como ela pode acreditar em um DEUS que permitiu tal feito?

Hyoga: - Isto eu não sei lhe responder, mas minha mãe acreditava nele.

Ares: - Sua mãe foi tola! Assim como você também é!

Hyoga: - O que disse?

Ares: - Somente o senhor Zeus pode fazer o bem para humanidade... Por isto que os humanos perecerão na ira de Zeus! Por rejeitarem sua bondade! (Com o rosário na mão)

Hyoga: - Através desse DEUS minha mãe me ensinou o que era o amor, a bondade e também a fazer o bem a todos! http://snk-seiya.net/guiasaintseiya/Cruz%20hyoga.JPG

Ares: - Isso é ilusão humana. Assim como sua mãe morreu por acreditar em um DEUS (Sua mão queima fazendo a cruz de Hyoga desintegrar-se) Você também morrerá!

Hyoga: - NÃO! ESSA É A ÚLTIMA LEMBRANÇA QUE TINHA DA MINHA MÃE SEU DESGRAÇADO! (Lembra do rosto de sua mãe, e mais uma vez quando a visitava e de seu mestre Camus dizendo que sentimentos opostos a luta podem causar uma derrota http://oscdo.files.wordpress.com/2007/09/camus.jpg ) Não Camus! Desta vez o que ele fez... NÃO PODEREI PERDOAR!

Ares se surpreende, pois Hyoga explode seu cosmo com isto a imagem impressionante do cisne dourado surge atrás dele. E o deus da guerra diz: - Mas o que é isto? Como você pode se libertar de meu ataque... Ninguém foi capaz de sair do sofrimento das dores até a morte!

Neste instante cristais de gelo existem em toda a sala do templo.

Ares assustado: - Mas! Mas o que é isto? A cristais de gelo por todo o templo!

Hyoga: - Seu maldito o DEUS que minha mãe acreditava é um DEUS verdadeiro e não um deus farsante como você e Zeus! Mestre CAMUS! (Aparece o rosto de Camus http://membres.lycos.fr/karemanga/Bios/Chevaliersduzodiaque/camus.gif ) Usarei a técnica que me ensinou.

Ares: - Mas isto é incrível você estava completamente morto não posso acreditar!

Hyoga: - Saia deste mundo deus maldito! ( A imagem do jarro aparece)

Ares: - Mas... Mas o que é este jarro?

Hyoga: - {{{EXECUÇÃO AURORA}}}

O feixe de luz imenso sai das mãos de Hyoga e desta vez mais poderoso ainda, pois a luz é dourado a atinge Ares fazendo-o destruir uma coluna com o impacto caindo em seguida no chão.

Hyoga estava ofegante e se ajoelha dizendo: - Mamãe! Você sempre será importante para mim!

No templo de Ártemis

Selene retorna ao seu trono e diz: - Vou aguardar aqui a derrota dos demais cavaleiros de Athena... Minha parte eu já fiz!

De repente três penas da Fênix atingem o trono.

Selene se surpreende: - Mas o que?

A voz de Ikki: - Não esteja certa disto!

Selene: - Ikki! Não pode ser... Você ainda esta...

A imagem da Fênix em chamas aparece.

Selene: - Vivo?

Ikki: - Sim! E em nome da justiça e por amor a Athena e a humanidade. (Surge do ar com as asas de sua kamui aberta) Receba meu ataque! {{{ASAS DE FÊNIX}}}

Um turbilhão de fogo surge envolvendo Selene. Que se assusta e com punho direito o cavaleiro de Fênix faz a ave em chamas atingir a deusa lançando-a no chão e seu corpo é arrastado por alguns metros.

Ikki pousa no chão em seguida.

De repente Ikki escuta passos de alguém correndo entrando no templo. E fica apreensivo.

No templo de Ares

Hyoga permanecia ajoelhado e seu rosto estava banhado por lágrimas e o chão estava com uma névoa devido ao ar frio do execução aurora.

E um pouco distante. O deus da guerra Ares se levantava sem Cisne perceber.

Continua na 2ª Parte!

Sábado dia 29/12/2007

Postar um comentário